Revisão fiscal preventiva oferece compliance tributário

Um levantamento realizado pela Certacon com os clientes que contrataram o seu serviço de Revisão Fiscal constatou que 66% deles estão classificados como A+ no Fisco.

Obter essa classificação traz grandes benefícios, uma vez que quanto maior a posição dentro dos critérios do programa de estímulo à conformidade tributária do Governo de SP, maiores são os benefícios a que contribuintes de ICMS tem acesso.

Os resultados apontados pelo levantamento comprovam a relevância da Revisão Fiscal para a autorregularização das empresas, e consequente classificação positiva perante a Receita Federal.

O Desafio dos departamentos tributários

Em um levantamento informal realizado com executivos tributários, descobrimos que diversas empresas têm investido em ferramentas de cruzamento e validação de obrigações acessórias (auditoria digital).

Porém, estas tecnologias acabaram revelando um grande gargalo nas companhias, visto que são inúmeros relatórios gerados que demandam tempo de um analista sênior para ordenar o que é mais relevante para uma tomada de decisão, e prosseguir com as devidas retificações antes da entrega oficial.

Ou seja, diante de departamentos enxutos, como é a realidade da maioria das empresas, encaixar na rotina dos profissionais a operação de uma ferramenta como esta tem sido um problema ao invés de solução.

Conclusão

Assim, listamos abaixo os três principais “porquês” que nos conduziram no aprimoramento da nossa oferta de revisão fiscal preventiva:

1. Porque as fiscalizações estão cada vez mais automatizadas;

2. Porque não basta automatizar os departamentos jurídicos para mitigar riscos;

3. Porque é preciso conhecimento e experiência para priorizar e realizar análises concisas, ao mesmo tempo em que é feito o acompanhamento das mudanças na legislação.

Concluindo, nosso objetivo é oferecer sempre a melhor proteção contra riscos tributários!

Converse com a nossa equipe se desejar saber mais.

Este post tem um comentário

Deixe um comentário